\n\n\n

A indústria do gesso continuará a crescer em 2018

A indústria do gesso continuará a crescer em 2018. Numa altura em que a decisão de compra do cliente é cada mais informada e consciente e em que crescem as preocupações ambientais, junta-se o forte investimento no mercado de construção. A junção destes dois fatores leva, naturalmente, a perceber o porquê do forte aumento da procura de acabamentos em gesso, não só em Portugal como também em países membros da UE como França, Bélgica e Luxemburgo.

Recentemente, foi debatido no parlamento, a importância de consciencializar o público-geral sobre o uso de recursos naturais versus a utilização de plástico: o objectivo é desplastificar Portugal. A Intergesso reforça assim, mais do que nunca, a sua posição de empresa com preocupações ambientais.

Várias são vantagens que o gesso apresenta face a outros materiais. É um excelente retardador de fogo, como é natural, o material respira e por isso as peças não reagem à humidade, não acumula fungos, é muito resistente e oferece facilidade de retocagem e um acabamento perfeito onde não se notam as uniões. A melhor qualidade deste tipo de acabamentos é a sua durabilidade sem necessitar de qualquer manutenção ao longo de várias gerações.

Na Intergesso os clientes encontram uma grande variedade de soluções de sancas de gesso, decoração de paredes e tectos, soluções para luz indirecta, lambrins, e texturas para parede e tectos, entre muitas outras soluções de acabamento que podem ir de um estilo barroco (século XVII), clássico, contemporâneo ou peças mais minimalistas e futuristas.

Em 2018, os objectivos da Intergesso passam por promover a arte de trabalhar com

Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização.